Conhecidos é diferente de Amigos

Andamos por aí na complicação das ruas, na complicação das vivências, no meio da confusão que se faz sentir dentro de nós e nos outros.
As relações entre as pessoas são complicadas. As pessoas em si, são complicadas.
Todos os dias contactamos com diversas pessoas. A verdadeira questão é quantas delas são realmente nossas amigas.
Muitos tendem a confundir conceitos e a distorcer significados. Conhecidos não é o mesmo de amigos.
Conto pelos dedos de uma só mão aqueles que sei que posso contar e que estão lá para mim.
O tempo de piscarmos os olhos é o mesmo que levamos a formular uma opinião sobre alguém, assim como alguém leva meio segundo a julgar-nos.
É sempre bom conhecer pessoas, ainda mais se tivermos pontos em comum. Mas acredita quando digo que nem todos vão gostar de ti. Não se pode agradar a todos. Acima de tudo deves agradar-te a ti mesmo primeiro.
Vivemos na era dos “ Porquês?”. “ Porque ele tem mais coisas que eu?” Ou “ Porque é que ela tem tantos amigos e likes no Facebook e eu não?”. Esquecemo-nos, no entanto que vivemos também na era da mentira, onde atrás de uma maioria se esconde uma escassez.
Percebes a chuva que cai, gota a gota, percebes a brisa gelada de uma manhã de inverno que te queima o rosto. Percebes quando sentes dor ou quando sabes que algo não está bem. Percebes o que se passa no mundo. Percebes tanta coisa mas ainda assim ainda não consegues perceber quem é teu amigo e quem não o é. Queres perceber o que se passa à tua volta, mas como podes fazer isso se tens estado a ver cegamente, a ouvir surdamente e falar no silêncio dos pensamentos.
Diz-me… quantos estão contigo por aquilo que tu és? Diz-me quantos estarão dispostos a segurar-te e a ajudar a erguer-te quando tudo o resto tiver desabado?
Olha à tua volta e vê quem realmente se interessa e quem não passa de interesseiro. Vê quem te faz falta e a quem fazes falta. Vê quem é quem e coloca prioridades na tua vida.
Conhecidos há muitos, amigos nem por isso.
Não importa o número de amigos mas sim a qualidade. Eles são os únicos com quem te deves preocupar.
Conhecer pessoas é fácil, difícil é fazer amigos.


CONVERSATION

3 comentários:

  1. Um excelente texto! Quanto mais crescemos mais difícil é ter amigos verdadeiros, muitos vêm por interesse outros por jeito, mas são tão poucos aqueles que lá estão noite e dia! Um beijinho, Ana Rita*

    ResponderEliminar
  2. Muitas vezes confundimos amigos com conhecidos mas à medida que o tempo passa ficamos com mais certezas de quem são os nossos verdadeiros amigos, que estão sempre ao nosso lado. Beijinhos*

    ResponderEliminar

Seguidores