As coisas que as pessoas (não) dizem...

Desde já gostava de agradecer a todas as pessoas que tiram uns minutos do seu tempo para me ler. Hoje o blogue festeja 6 meses de existência. Já lá vai meio ano de partilhas. Obrigada por todo o apoio e mensagens carinhosas e de força para continuar. Sem vocês nada teria sido feito!
Deixo aqui o primeiro texto escrito neste blogue mas com nova atualização.

Rostos enfeitados por máscaras.
Depressões escondidas por sorrisos.
Sentimentos desvalorizados por palavras não verdadeiras.
As coisas que as pessoas dizem ou melhor não dizem.
Verdades ocultadas mas reveladas por um simples reflexo no olhar, num gesto impercétivel, no sentido das palavras.
Às vezes o silêncio diz mais que palavras ditas em vão.
Às vezes os gritos no vazio são mais altos do que aquilo que julgamos ser.
Toda a verdade encontra-se escondida na sombra da mentira.
As pessoas não dizem quando estão mal, mas também não dizem quando estão totalmente bem. Não dizem os seus verdadeiros sentimentos mas também não os desprezam . Não dizem quando está algo de errado mas certamente não dirão o que está certo. As pessoas não dizem tudo mas no final de contas também não dizem nada.
As máscaras usadas diariamente já estão gastas de tanto uso.
Vivemos então na era do chamado “ meio-termo”. Em que mais vale fechar a boca, ser surdo e cego que expressar a sua própria opinião.
As pessoas falam "mais ou menos" quando na verdade por trás desse rol infinito de emoções, histórias e marcas de vida existe uma alma a viver ou o mais ou o menos.
As coisas que as pessoas não dizem, mas que existem.

CONVERSATION

1 comentários:

  1. O texto que escreveste caía que nem uma luva a uma situação que está a viver uma pessoa que adoro e que estou a tentar ajudar. Parabéns.

    ResponderEliminar

Seguidores